Recantos da Terra - sexta-feira 20 dezembro 2013

CAFÉ MARINGÁ BISTRÔ, Maringá/MG.

 

Não poderia encerrar o ano sem uma única postagem sobre restaurantes da Região de Visconde de Mauá, não apenas pela sua gastronomia notória, mas, sobretudo, pelo fato de que lá estão alguns dos meus “cantinhos” favoritos, dentre os quais cito sem medo: Babel, Bistrô das Meninas, Terra da Luz e Borbulha.

Às vezes, as coisas saem melhor na base do improviso. Pra descansar de um stress na coluna dentre outros, resolvemos – sem rumo – subir a serra pra almoçar e sentir um pouco de ar verdadeiro nos pulmões.

Quem conhece a Região de Visconde de Mauá, sabe que a geografia por lá é confusa, já que parte fica em Resende (Visconde de Mauá, Vale do Pavão, etc), parte em Itatiaia (Maromba e parte de Maringá) e mais um tanto de Maringá em Bocaina de Minas (MG). Pois bem, dito isso, minha opinião é que justamente na Alameda Gastronômica Tia Sofia, no lado mineiro, fica a maior concentração de bons restaurantes.

Já conhecia o Café Maringá[1] há tempos, mas, ainda não tinha visitado a Casa desde que se tornou um bistrô. De início, já se fez notar uma reforma que não apenas ampliou o espaço, como trouxe mais conforto para os frequentadores, sem perder a beleza da área externa.

De entrada, pedimos um Duo de Bruschettas, uma grata surpresa, diga-se. Além da bruschetta tradicional, o duo conta ainda com a bruschetta de “mango chutney”, muito diferente e muito saborosa.

O meu prato principal foi o Filé Maringá, um bife Red Angus, com fetuccini paglia e fieno (massa branca e verde) ao molho de queijo. Karla pediu Filé com Salada, também com bife Red Angus como base, uma incrível salada que foge aos padrões habituais (broto alfafa, broto de girassol, nozes, capuchinho[2], alface roxa e tomates cereja) e batatas rústicas.

Novamente, nos valemos do Francesco[3], da Villa Francioni, em razão de sua versatilidade. A Cabernet Sauvignon e a Syrah presentes em sua composição, sempre se encaixam bem com carnes temperadas e dessa vez não foi diferente. O vinho casou maravilhosamente com a suculência da carne.

Os pratos são fartos e, o mais importante, deliciosos. Desde a massa caseira até os vegetais colhidos na própria horta fica aquela impressão de saudável rusticidade, algo que tem a cara de Visconde de Mauá. A flor que não apenas enfeita o prato, mas que é comestível, as hortaliças ao alcance da vista, a vista bucólica…algo que não se encontra em qualquer lugar.

De sobremesa, um delicioso petit gateau e um Coffe Shake compensaram a culpa. Expressos e Cointreau para encerrar a fatura com louvor.

Parabéns à Chef Simone, de cujas mãos saíram preciosa comida. Cabe salientar que parte da simpatia do lugar vem do carisma do proprietário Fabinho Paiva, com seu jeito peculiar de deixar as pessoas à vontade. Atendimento profissional, mas com aquela típica hospitalidade caseira, tão peculiar à região.

Maringá não é local para se comer correndo, muito pelo contrário, é um lugar para se desfrutar da paz enquanto se come. Sentar e desfrutar da paz que o lugar oferece.

Enfim, uma tarde primorosa.

Como fomos “na base do improviso”, a intenção era almoçar e retornar a Resende; mas como o destino é caprichoso, fomos convidados a pernoitar na Pousada Cantinho de Férias[1] e aí, o que era para ser um breve passeio se tornou um fim de semana esplendoroso.

Kampai…

 

Status: RECOMENDADO!!!!!!!!!!

 

Galeria de fotos:

Localização:

Alamenda Gastronômica Tia Sofia, s/n.

Maringá – Bocaina de Minas, Minas Gerais

(24) 3387-1314

http://www.cafemaringabistro.com.br/

 


[1] A visita foi efetuada por Cello Carneiro e Karla Takayama, no dia 14 de dezembro de 2013.

[2] O capuchinho é a flor da alcaparra.

[3] O Vinho foi cedido gentilmente pela vinícola Villa Francioni.

[4] Ficam os nossos agradecimentos pessoais ao pessoal da Pousada Cantinho de Férias, D. Orídia e Aniette, pela cortesia e pelo carinho.

 


Tags:, , , , , ,

2 comentário(s) sobre “CAFÉ MARINGÁ BISTRÔ, Maringá/MG.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


+ 1 = nove

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>